Cronicas do autor

Para que servem, afinal, os drones?

Retirar alguns das praias (em especial os que andam por lá em mero voyerismo, vigiando os fios-denta...

As botas rotas de Salazar

            Filho que sou de um militar da GNR, dos antigos, alinhado quanto baste com os cânones do...

Os "Velhos do Restelo" e a Regionalização

Ao introduzir, no Canto IV dos Lusíadas, a personagem do Velho do Restelo escarmentando a partida do...

A metáfora do sapo fanfarrão

            Um povo culto, ainda que não erudito, é exímio no uso das metáforas. Assim o tenho perce...

Graça Morais

Serenada a inquietude da pandemia, a UTAD vai, finalmente, a 11 de maio próximo, cumprir o ritual so...

A estranha “gratidão” de António Costa

João Sobrinho Teixeira e Berta Nunes, ele Secretário de Estado do Ensino Superior, ela Secretária de...

A “Serração da Velha”: mas quem é a “velha” que esta noite vai ser serrada?

Celebra-se esta noite de 4ª feira (23 de março), a tradição da “Serrada da Velha”, também designada...

Um filho ilustre da vila de Sabrosa: Criador do Fado Manassés morreu há 60 anos

A 18 de maio próximo passam 60 anos da morte de Manassés Lacerda Botelho, um dos filhos ilustres da...

Alguém os ouviu falar de Cultura?

Os líderes partidários e os debates televisivos. Desses muitos milhões, de que se fala, e que cada...

“Opinião pública” duvida da “opinião publicada”

A “opinião pública” cada vez mais duvida da “opinião publicada”. E, perante a vitória de Rui Rio, te...

Falta de professores terá de ser uma fatalidade?

Grande alarido mediático gerou a recente divulgação de um estudo de diagnóstico de necessidades doce...

Uma mulher de cultura

Mara Minhava. Escreve e publica poesia, redige artigos e ensaios de reconhecida qualidade, intervém...

A fonte dos ladrões

Havia outrora os célebres salteadores de estrada. Começava-se no temerário Zé do Telhado, o tal das...

A caça aos taralhões

O meu avô foi o meu grande mestre. Ensinou-me a fazer os costelos, a que outros chamavam pescoceiros...

O nosso património mais precioso é a nossa língua!

Hoje (5 de maio) é o Dia Mundial da Língua Portuguesa. É o dia de celebrar o nosso património pátrio...